Banner do Post Amostras Ambientais

12 abr 2021

A Importância da Preservação de Amostras Ambientais

A importância da preservação de amostras ambientais se deve à necessidade de obter um resultado analítico com qualidade e confiabilidade.

Para a preservação apropriada de amostras coletadas, são utilizadas técnicas que asseguram qualidade e segurança, estas técnicas são utilizadas na etapa de preservação, são essas técnicas: refrigeração, congelamento e preservação química. Estas técnicas são empregadas com o objetivo principal de evitar a degradação das amostras ambientais.

Fonte: Arquivo interno

O Processo de Coleta

Durante a etapa de amostragem, o técnico precisa coletar uma pequena quantidade da amostra que representa com precisão o material a ser analisado. Para garantir essa representatividade, nenhuma mudança significativa nas amostras ambientais deve ocorrer até o momento da análise no laboratório. Por esse motivo, a preservação se torna essencial para evitar a degradação da amostra. A utilização de preservantes retarda a ação biológica e a alteração dos compostos químicos; reduz a volatilidade ou precipitação dos analitos de interesse, além de reduzir os efeitos de adsorção. Como consequência das ações físico-químicas das amostras ambientais, muitas alterações químicas podem acontecer com as amostras durante o processo de coleta, acondicionamento, transporte, armazenamento e análise. Quando empregamos as técnicas de preservação tais como, adição química, congelamento e refrigeração é possível minimizar estes efeitos. 

Amostras de laboratório
Fonte: Arquivo interno

A adição química é o método de preservação mais empregado nas amostras ambientais. Ao colocar o reagente químico no frasco previamente à adição da amostra, é possível oferecer um maior grau de estabilização dos analitos durante um maior espaço de tempo. Já a refrigeração, que consiste em manter as amostras em temperatura < 6°C, possibilita que as amostras mantenham suas propriedades físico-químicas e biológicas. Esta técnica é empregada mesmo nas amostras preservadas quimicamente. Já o método de preservação por congelamento é utilizado com intuito de aumentar o intervalo de tempo entre a etapa de amostragem e a análise em laboratório. Porém, não é indicada para análises que sofram interferências com os processos de congelamento e descongelamento.

Nosso Trabalho

O laboratório da EP Analítica é acreditado pela norma ABNT NBR ISO/IEC 17025 e utiliza em seu processo de amostragem as preservações necessárias para a correta estabilidade dos parâmetros conforme descrito nos métodos normalizados das análises solicitadas. Desta forma, garantimos a manutenção das condições das amostras tornando-as válidas, representativas e com a confiabilidade e qualidade necessárias.

Confira outras postagens em nosso blog e visite a página da EP Analítica para conhecer mais sobre nossos serviços.

REFERÊNCIAS

1 – APHA. American Public Health Association. Standard methods for the examination of water and wastewater, 23st ed. Washington, 2017.

2 – Guia nacional de coleta e preservação de amostras: água, sedimento, comunidades aquáticas e efluentes líquidos / Companhia Ambiental do Estado de São Paulo; Organizadores: Carlos Jesus Brandão … [et al.]. — São Paulo: CETESB; Brasília: ANA, 2011.

3 – Manual Técnico para coleta de amostras de água. Florianópolis, 2009. Disponível em: <https://ctec.ufal.br>. Acesso em: 27 de março de 2021.

Karina C. de Oliveira – Gerente de Controle de Qualidade do Grupo EP Analítica

LinkedIn

Site seguro
Chat
Podemos ajudar?
Olá!
Como podemos te ajudar?